VOCÊ JÁ OUVIU FALAR EM “ÂNCORA”?

âncora

Tempo de leitura: 5 minutos |

Trata-se de uma ferramenta prática que pode ajudar – e muito! – na mudança de suas emoções, e não me refiro à âncora do barco, navio ou lancha. Mas sim a um termo utilizado em Programação Neurolinguística (PNL), que tem a ver com gatilho emocional.

Por exemplo, já aconteceu de você estar andando no calçadão da praia, ouvir uma música e, imediatamente, sem que você tivesse controle, lembrasse do seu passado? Talvez um bailinho na adolescência, seu primeiro beijo, a primeira vez que você se apaixonou?

E sem querer você se dá conta de que sua emoção mudou completamente, sem querer suas lembranças viajaram para aquele momento do passado.

Além disso, o mesmo poderia acontecer com um cheiro de comida que te leva a lembrar da vovó, ou o almoço de família aos domingos, ou talvez uma única vez que esteve em uma fazenda e a comida tinha o mesmo cheirinho gostoso?

Âncora: gatilho externo que gera emoções internas

É possível gerar emoções positivas e fortalecedoras conscientemente através de um gatilho criado por você mesmo, que não seja ao acaso?

Você já imaginou como isso seria bom? Você está desanimado e, como num passe de mágica, você dispara esse gatilho e sua emoção muda!

A boa notícia é que a resposta é: sim, é absolutamente possível!

Em meus treinamentos de um ou dois dias, praticamos o poder da âncora o tempo todo. E, logo no início, ensino aos participantes uma âncora que apelidei carinhosamente como o Voo da Águia.

É um movimento específico com uma intensidade específica, soltando um grito específico: Ooohhhh YES!

Quando os participantes voltam para suas vidas e têm alguma situação frustrante que exige uma mudança de estado emocional imediata, eles disparam o Voo da águia, Ooohhhh YES!, socando o ar.

A partir daquele momento, todas aquelas emoções vividas durante o treinamento vêm à tona, imediatamente, com muito mais força e facilidade do que fariam apenas com o pensamento.

Isso faz com que retomem o controle emocional e possam seguir suas vidas com mais entusiasmo e energia. Procure praticar. Sempre que estiver feliz, com energia de sobra, crie sua própria âncora e utilize-a sempre que necessário.

Foto de Wallace Chuck no Pexels

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.